top of page
Buscar
  • Foto do escritorJorge Carvalho

Bruxismo tem cura? Entenda!

Atualizado: 23 de nov. de 2023


Entenda as causas e sintomas do bruxismo e saiba se o distúrbio tem cura.

O bruxismo é um problema que afeta milhares de pessoas em todo o mundo. Segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde), cerca de 30% da população mundial é acometida pelo bruxismo. No Brasil, o percentual sobre para 40%.


O problema está listado na ICSD-R (Classificação Internacional de Distúrbios do Sono) e os dados mostram que, pelo menos, 85% das pessoas vão apresentar sinais de bruxismo em algum momento da vida. Por envolver as articulações e músculos de mastigação, é importante tratar o bruxismo para não desenvolver outros problemas mais graves na região.


Aqui vamos mostrar o que fazer para controlar o bruxismo e quais complicações podem surgir por conta da falta de tratamento, então vamos lá! Para nos ajudar a entender os benefícios e atuação da fisioterapia para controle do bruxismo, conversamos com a fisioterapeuta Carolina de Almeida Araújo, da Clinic Advance.


O que é o Bruxismo?

O bruxismo é um distúrbio muscular repetitivo da mandíbula, que se caracteriza pelo ato de bater, ranger ou apertar os dentes de forma involuntária. O problema é o mais comum entre os distúrbios do movimento durante o repouso, já que o aperto dos dentes acontece, na maioria das vezes, durante o sono.


Quais são os principais sintomas do bruxismo?

O principal sintoma do bruxismo é o ranger de dentes, que pode ser notado por familiares e amigos. Porém, existem muitos outros sintomas que tornam o distúrbio perceptível para a pessoa acometida pelo problema. Confira alguns dos principais sintomas do bruxismo abaixo:

  • Dor ao mastigar

  • Dor de cabeça ao acordar

  • Sensibilidade excessiva nos dentes

  • Dentes quebrados (quebra de restaurações dentárias)

  • Cansaço excessivo

  • Mobilidade excessiva do dente

Quais são as principais causas do bruxismo?

Geralmente, o bruxismo atinge mais mulheres e homens na fase adulta, não sendo tão comum em idosos ou crianças. Não há um consenso de causa do bruxismo, mas é possível identificar diversos fatores que favorecem o surgimento do problema.


“O bruxismo pode surgir por fatores genéticos ou por problemas como a ansiedade e o alto nível de estresse no dia a dia. O problema também pode ter origem na oclusão e dificuldade no fechamento da mandíbula”, explica Carolina.


Quais as principais consequências do agravamento do bruxismo?

Por envolver articulações da região da mandíbula e todos os músculos da mastigação, o agravamento do bruxismo pode causar diversas complicações como a DTM (Disfunção Temporomandibular), problema que se apresenta em 70% dos casos de bruxismo e se caracteriza como o desgaste e a má posição das articulações da mandíbula.


Em outros casos mais graves de bruxismo, a pessoa pode sofrer com dores e até perda de dentes, fortes dores de cabeça e excesso de sensibilidade dentária. Além disso, também pode haver a perda de qualidade do sono, o cansaço excessivo, entre outras complicações por conta da falta de tratamento do bruxismo.


Há cura para o bruxismo?

Muito se fala sobre a cura para o bruxismo, mas é importante entender que esse problema pode se apresentar em ciclos, então o paciente deve buscar controlar o problema e o desenvolvimento de outras patologias por conta do agravamento do distúrbio.


“Primeiro, é importante entender as causas do bruxismo para determinar o tratamento adequado. Dependendo da causa, nós conseguimos melhorar os sintomas com as técnicas de terapia manual”, destaca Carolina.


Uma das principais recomendações para pacientes com bruxismo é procurar um dentista para realizar o tratamento mais adequado. A fisioterapia pode surgir como alternativa complementar para eliminar as dores e as tensões na região da mandíbula.


“Em casos de problema funcional como a oclusão ou disfunção da mandíbula, aí a melhor opção é procurar um dentista para realizar o tratamento. Geralmente, nós da Clinic Advance, orientamos os pacientes a procurarem um dentista para que ele faça uma plaquinha que consegue diminuir a pressão entre os dentes, evitando lesões mais graves”, ressalta Carolina.


A placa de bruxismo é feita sob medida por dentistas e ajuda a proteger a arca dentária, evitando o contato entre os dentes, sendo parte do tratamento para o controle do bruxismo.


Como a fisioterapia ajuda no tratamento do bruxismo?

“A fisioterapia serve para aliviar os sintomas. Se há fatores genéticos ou questões como ansiedade ou estresse, nós conseguimos aliviar as dores e diminuir a tensão na região com a aplicação das técnicas de terapia manual. Com isso, fazemos a soltura da musculatura da mandíbula, da têmpora e isso ajuda a controlar os efeitos dos sintomas do bruxismo” explica Carolina.


Por meio das técnicas de terapia manual, o paciente consegue ter um grande alívio no incômodo causado pelo bruxismo. É importante ficar atento aos sintomas para controlar o bruxismo de imediato, sem deixar que o problema se agrave e possa diminuir a sua qualidade de vida.


Quer saber como a Clinic Advance pode te ajudar a diminuir as dores causadas pelo bruxismo? Marque uma avaliação com um de nossos profissionais clicando no botão abaixo! Estamos te esperando!



31 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page